O tema “Lean” está cada vez mais presente em operações empresariais

Você já ouviu falar de “Lean”?

O Sistema de Gestão Lean, conhecido também como Sistema Toyota de Produção, é uma filosofia focada na redução de sete tipos de desperdícios dentro de uma empresa: super-produção, tempo de espera, transporte, excesso de processamento, inventário, movimento e defeitos.

 

O sistema surgiu na empresa Toyta, no Japão, pós-Segunda Guerra Mundial. Seu criador foi Tiichi Ohno, engenheiro da Toyota e seus precursores: Sakichi Toyoda, fundador do Grupo Toyoda em 1902; Kiichiro Toyoda, filho de Sakichi Toyoda, quem encabeçou as operações de manufatura de automóveis entre 1936 e 1950; e Eiji Toyoda.

 

O método Lean enfatiza a prevenção de desperdícios na produção de produtos e/ou serviços que não agregam valor. Sendo assim, com o principal objetivo de entregar o máximo de valor ao cliente, com a menor quantidade de recursos possíveis.

 

Nossos parceiros orientais dedicam muito tempo estudando o mercado e fazendo escolhas de onde atuar e, principalmente, onde não atuar, traçando assim uma ampla estratégia com evoluções sustentáveis.

 

De alguma forma, diversas organizações não absorvem a ideia de maneira natural e contínua, e tendem a olhar para os resultados somente ao final de cada bimestre ou até do semestre.

 

Um grande exemplo desse sistema como resultado de estabilidade do negócio, desenvolvimento de profissionais, níveis de padronização de produto e fidelização do consumidor são as evoluções do ícone Corolla. A cada nova edição do carro, algumas pequenas alterações acontecem no design, configuração, acessórios, de forma que cada edição seja uma evolução e não uma revolução.

 

De fato, é notável que a Toyota escuta o que o cliente pede e mantém o que já admira.

Nos variáveis negócios de outros segmentos não é diferente, definir onde a empresa é boa para atuar, expandir e surpreender os seus clientes, levando em consideração a empresa como um todo: pessoas, equipamentos, capital para expansão, etc.

 

Mesmo com um sistema extremamente completo, são colocados como o pontos mais importantes desse sistema, a agilidade em escutar o cliente, fazer escolhas assertivas para economizar o desperdício e traçar um plano medindo junto com a equipe para expandir e consolidar os negócios em 2019.

 

Paulo Cruz – Diretor de Vendas & Marketing da Ober S/A