Eventos da Abralimp irão adotar política de neutralização de carbono em busca de um mercado mais sustentável

Sustentabilidade

Não tem mais volta: a partir de 2022, a Associação Brasileira do Mercado de Limpeza Profissional (Abralimp) vai se tornar definitivamente uma promotora de “eventos verdes”. Para isso, no mês de agosto, a associação irá implementar uma série de medidas visando a sustentabilidade nas operações da Feira Higiexpo e do Encontro Nacional de Facility Management com foco na neutralização de carbono de tudo que envolve a organização dos eventos.

“Propomos essa primeira mudança para fomentar que os expositores e participantes da feira vejam a importância da sustentabilidade dentro do nosso mercado”, diz Guilherme Salla, diretor de sustentabilidade da Abralimp. “Precisa ser um evento modelo, por isso buscamos a neutralização do carbono. É para conscientizar e mostrar que é possível fazer um evento assim, de grande porte, e com o mínimo impacto ambiental.”

Quem está cuidando disso é a Eccaplan Consultoria em Sustentabilidade, atuante no mercado desde 2008, e que traçou um plano detalhado de atuação.

Durante a realização do Higiexpo e do Encontro Nacional de Facility Management, a empresa irá cuidar de detalhes de sustentabilidade. Para isso, fará compensação de CO2 relacionadas a montagem, desmontagem e realização do evento, deslocamento do staff, gerador de energia, resíduos gerados, operação das áreas comuns do evento e, ainda, transfer entre metrô e pavilhão.

Além disso, a Eccaplan fará a compensação dos expositores, com a quantificação e compensação das emissões relacionadas à montagem, desmontagem e apresentação do estande do expositor e do deslocamento de todo o staff. Se o evento atingir a meta de pelo menos 50 estandes com o Selo Evento Neutro, a Higiexpo receberá o Selo Evento Neutro Verde. “É possível realizar ações sustentáveis em todos os tipos e tamanhos de eventos”, explica o presidente da Eccaplan, Fernando Beltrame, em entrevista à Revista Higiplus.

Fernando Beltrame, da Eccaplan / Divulgação

De acordo com ele, a sustentabilidade pode se fazer presente seja em uma feira de negócios, uma reunião anual ou um evento específico aberto ao público. “A mesma sustentabilidade que está presente em seus produtos e serviços deve ser percebida nos eventos”, diz. “Empresas ainda têm um longo caminho a percorrer e tentamos auxiliá-las com nossa consultoria e serviços adequados com tamanho e necessidades de cada um.”

Por fim, além de oferecer compensação nesses dois polos dos eventos, a Eccaplan também vai fornecer uma calculadora de emissão de carbono personalizada, utilizada nos sites dos eventos, aplicativo da feira e demais meios digitais. Isso deve ampliar o alcance do tema. Além disso, a organização vai conscientizar expositores e visitantes sugerindo a redução de resíduos; realizará a coleta seletiva nos corredores e praça de alimentação em lixeiras específicas; diminuirá a propaganda impressa e a tiragem de catálogo físico do evento.

A lista de empresas que aderiram ao Selo Evento Neutro pode ser conhecida neste link. Os organizadores da feira comemoram o engajamento e ressaltam que a conscientização de todos é o caminho para conter os problemas decorrentes da mudança climática.

 

Mercado de sustentabilidade

Para os especialistas, a preocupação com a sustentabilidade não tem mais volta. De um lado, as pessoas querem, cada vez mais, operações limpas. “O público é cada vez mais exigente e mais difícil de surpreender. Parte desse público ainda exige uma postura séria quanto aos impactos ambientais do evento. Mas não basta reduzir ou compensar os impactos ambientais. A forma de comunicar as ações é essencial para disseminar a ideia da sustentabilidade e assegurar a posição de evento sustentável”, contextualiza Fernando.

Guilherme Salla, da Abralimp / Divulgação

Guilherme Salla nota que as empresas já perceberam isso e não mudam mais de postura. “Há uma evolução rápida e um interesse maior das empresas em entender qual o impacto e como diminuir esse impacto”, explica. “A própria Abralimp criou a diretoria de sustentabilidade para que as empresas de limpeza profissional olhem mais para isso. A parte de treinamento é muito importante, com mais incentivos da associação.”

Higiexpo 2022

A Higiexpo é a maior feira de produtos e serviços para higiene, limpeza e conservação ambiental da América Latina, que acontece nos dias 9, 10 e 11 de agosto, das 13h às 20h, no Expo São Paulo.

O evento está cheio de inovações e atrativos para incrementar negócios e mostrar as alternativas para a produção com economia de recursos (água e energia), sempre buscando maior eficiência da limpeza a fim de promover saúde e bem-estar das pessoas.

São mais de 130 expositores, muito networking qualificado e importantes palestras para ampliar o conhecimento e apontar as novidades e tendências do mercado.

Conheça a programação pelo site: Higiexpo.

Fonte: Abralimp

Fotos: Freepik e Divulgação