Iniciativa da Federação Nacional das Empresas Prestadoras de Serviços de Limpeza e Conservação pretende dar maior visibilidade ao trabalho das categorias representadas

A Febrac (Federação Nacional das Empresas Prestadoras de Serviços de Limpeza e Conservação) lançou em 20 de outubro a campanha “Somos Essenciais” para valorizar os mais de 1.8 milhão de trabalhadores e 42,5 mil empresas do setor.

Inspirada nas empresas e nos profissionais do segmento que, desde o início da pandemia atuaram de forma essencial na linha de frente no combate a Covid-19, a ação visa a demonstrar a essencialidade, a seriedade e profissionalização do segmento.

Subdividido em 27 segmentos, o mercado de serviços especializados conta atualmente com mão de obra qualificada, correta utilização de EPI´s (equipamento de proteção individual), soluções e equipamentos de alta tecnologia e protocolos para a retomada segura das atividades em todo o país.

“Os empregados das empresas do setor têm desempenhado um papel de importância social, na medida em que o seu trabalho tem sido essencial para que várias outras áreas relevantes para a sociedade, como a da saúde, por exemplo, possam funcionar com toda segurança e sem comprometer o atendimento dos usuários.”, afirma Renato Fortuna Campos, presidente da Febrac.

Com o slogan “Empresas de serviços especializados – Essenciais para ajudar a reerguer o país e combater a pandemia”, a campanha deve seguir até o final de novembro.

Assista aqui ao vídeo da campanha!

Higienização em destaque

Segundo o presidente, as empresas do setor estão adotando protocolos ainda mais rigorosos para que espaços públicos e particulares sejam higienizados de forma segura e conveniente. “Nosso objetivo é garantir a total segurança de clientes e trabalhadores”, reforça.

Campos enfatiza ainda que a pandemia acabou reforçando diretrizes que já vinham sendo adotadas pelo setor, como a utilização crescente de tecnologia nas atividades de higienização e a capacitação constante dos colaboradores.

Compromisso com o país

Além de mudar hábitos e rotina, a pandemia também evidenciou a necessidade de tornar a ocupação e utilização dos mais diversos ambientes seguros e adequados à nova realidade.

Com isso, o setor de serviços especializados também ganhou protagonismo. Tanto que a expectativa é de que já nos próximos meses haja um aumento nos investimentos voltados ao aperfeiçoamento dos trabalhadores e ao uso de tecnologia, assim como no número de contratações na área.

“A exemplo do que vários segmentos econômicos, o nosso setor foi bastante impactado pela pandemia. Mas seguimos o nosso compromisso de mantermos nossas empresas firmes para ajudar o Brasil a sair desta crise, além dos milhares de empregos que geramos para garantir o funcionamento de locais essenciais para a população”, finaliza Campos.

 

 

Fonte: Associação Brasileira do Mercado de Limpeza Profissional – ABRALIMP.

Foto/Divulgação: FEBRAC.