Colchões podem ser pontos de alerta, acumulando ácaros e sujidades que afetam a saúde. Por isso, a Abralimp traz orientações de especialistas no assunto

Não há mais dúvidas de que limpeza e saúde são fatores indissociáveis. A pandemia do novo coronavírus mostrou que a higienização correta de ambientes e superfícies pode ser uma das principais medidas para conter o avanço de doenças. Com boa parcela da população em isolamento social em casa, existem alguns pontos do ambiente residencial que merecem atenção na limpeza e um deles é o colchão, onde as pessoas passam tempo prolongado diariamente, principalmente nos momentos de descanso. Mas como manter o colchão limpo e higienizado para garantir uma boa noite de sono e a sua saúde?

Essa tarefa não é fácil. Estudos indicam que depois de dois anos de uso, 10% do peso do colchão seria composto por ácaros. No caso dos travesseiros, estima-se que cerca de 30% de seu peso, neste mesmo tempo de utilização, também passe a ser composto por ácaros, quando não são trocados ou higienizados corretamente.

Os ácaros domésticos são minúsculos, invisíveis e responsáveis por causar diversas doenças alérgicas nos seres humanos, como rinite, asma, conjuntivite alérgica e dermatite atópica.  Podem viver em colchões, tapetes, almofadas, travesseiros, sofás, bichinhos de pelúcia e roupas de cama. Adoram lugares úmidos, mas amam mesmo os colchões. Segundo especialistas, as pessoas chegam a dormir todos os dias com cerca de 1,5 milhão de ácaros.

Os problemas de saúde causados por ácaros acontecem por causarem irritação nas terminações nervosas do nariz, o que desencadeia coceiras, espirros e estimula a produção do muco nasal (catarro).

A procura por serviços especializados aumentou

A população, no entanto, passou a estar mais alerta aos fatores de limpeza e a querer os colchões, de fato, limpos e higienizados buscando, inclusive, a contratação de empresas e tecnologias especializadas neste tipo de limpeza. De acordo com uma empresa associada Abralimp, a procura por equipamentos para limpeza de colchões aumentou em 60% após o início da pandemia. “As pessoas, confinadas em casa, passaram a perceber a importância da limpeza dos colchões e sofás, que são os lugares onde passamos a maior parte do tempo quando estamos neste ambiente”, ressalta Marcelo Guerra Lages, membro da Câmara de Fabricantes de Máquinas da Abralimp.

Fábio Santiago, membro da Câmara e Prestadores de Serviços da Associação, também confirma que o serviço especializado de higienização de colchões tem crescido de forma significativa. Um dos motivos, além de parte da população estar em casa, seria que cerca de 30% das pessoas possuem algum tipo de alergia, que pode ser evitada com procedimentos adequados de higienização.

Ele alerta ainda que outros locais de um quarto, como guarda-roupa e sapateira, também merecem a atenção do morador, para que seja realizada uma higienização em toda a superfície interna, retirando, desta forma, a poeira e eliminando os fungos e ácaros que ficam alojados. “Não adianta higienizar somente o colchão, tem que higienizar o quarto e o ambiente como um todo”, afirma.

As quatro etapas da higienização do colchão

A contratação de empresas especializadas para a higienização do colchão é a melhor solução para que sejam realizados os procedimentos adequados, com os equipamentos e produtos de limpeza corretos, retirando ácaros, bactérias e outras sujidades da superfície e de seu interior. No entanto, para quem não pode contar com essa alternativa, Marcelo Lages indica o passo a passo para a realização desta tarefa em casa:

1 – Aspirar toda a superfície do colchão, em seus dois lados.

2 – Aplicar borrifação na superfície do colchão, shampoo específico para limpeza de superfícies têxteis. Deixar agir por 5 minutos.

3 – Borrifar água limpa e, ao mesmo tempo, aspirar para a remoção da sujidade e do shampoo aplicado.

4 – Aspirar para remoção do resíduo final e deixar o colchão em local arejado, se possível ensolarado, por pelo menos três horas para secagem final.

 

 

Fonte: Associação Brasileira do Mercado de Limpeza Profissional – ABRALIMP por ADS Comunicação Corporativa.

Foto/Divulgação: ABRALIMP