Fornecimento de insumos para a indústria de saneantes domésticos e limpeza industrial

O mercado de limpeza como um todo foi alçado ao protagonismo em decorrência da pandemia do coronavírus. Arma efetiva contra a disseminação do Sars-Cov-2, a correta desinfecção de ambientes e superfícies segue como prioritária para combater o avanço da Covid-19.

Por tabela, toda a cadeia produtiva do setor também foi impulsionada. Prestadores de serviço, distribuidores e indústria se adaptaram para atender a crescente demanda. Mas como a indústria, responsável pelo fornecimento de insumos para produção de saneantes domésticos e para limpeza industrial se adequou durante o período? Como o setor vem enfrentando o aumento do consumo?

Para falar sobre o tema, o Higiplus Entrevista recebe Maria Claudia Cardozo, diretora de Home Care e Industrial & Institucional para a América do Sul na Basf, companhia global líder na área de química.

Entre os pontos abordados pela convidada está a demanda crescente da indústria, responsável pelo fornecimento de insumos para produção de saneantes domésticos e para limpeza industrial.

“Observamos que no início da pandemia houve um grande aumento especialmente devido à preocupação com a limpeza. Isso trouxe também oportunidades para higienização de superfícies”, enfatizou Maria Claudia.

A entrevistada aproveitou também para compartilhar um dado recente do instituto de pesquisas Euromonitor que mostra que somente o mercado de home care cresceu 9% em 2020. “O setor industrial e institucional também teve aumento dos insumos, especialmente nas indústrias de alimentos, bebidas e higiene hospitalar”, diz.

Maria Claudia indica que o crescimento de sanitizante foi o destaque, mas, entretanto, a restrição de circulação nas áreas de convívio de pessoas como shoppings, aeroportos e escolas também trouxe um impacto negativo para o volume consumido.

Ainda segundo ela, a demanda por insumos para a composição de limpadores foi a mais expressiva. “Temos um portfólio bem completo que atende uma grande variedade de ingredientes. Mas de modo geral, houve aumento de sanitizantes devido à efetividade da limpeza – e essa é uma tendência reforçada pela pandemia que deve, inclusive, perdurar”.

Novidades

O desenvolvimento de novos produtos também foi outra tendência observada no mercado, apontou a convidada durante o bate-papo. “Conversando com os clientes, percebemos que muita coisa interessante vem por aí – principalmente os biocidas, que auxiliam no controle de microrganismos e bactérias”, adianta a executiva.

Com as novas cepas de vírus assuntando a população, a efetividade da limpeza das superfícies de contato reforça a busca por agentes de desinfecção. “Essa é uma tendência forte para limpadores”, diz. “Quando pensamos em bem-estar, agora também nos lembramos da importância da limpeza”, arremata.

 

 

Clique aqui para assistir ao bate-papo na íntegra!

 

 

Fonte: ABRALIMP.

Foto/ Divulgação: ABRALIMP.